Publicidade

Economia

Lançamentos de imóveis caem 35 por cento em SP

POSTADA EM: 20/01/2016  |  POR: (Folhapress)

Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

 

O mercado de imóveis residenciais da cidade de São Paulo teve entre janeiro e novembro o seu pior desempenho desde que o Secovi-SP (sindicato do setor imobiliário) começou a pesquisar o setor pela metodologia atual, em 2004, informou a entidade.
Segundo dados divulgados no dia 13 de janeiro pelo Secovi-SP, foram lançados 18.510 imóveis no período, uma queda de 35% na comparação com 2014.
Quando se considera apenas o mês de novembro, foram lançadas 3.446 unidades, queda de 47,5% em comparação com o mesmo mês de 2014.
Com esses novos imóveis no mercado, a cidade de São Paulo encerrou novembro com 27.199 unidades residenciais à venda.
A quantidade se aproxima da média do ano, de 27 mil unidades.
Se o patamar se mantiver na pesquisa relativa a dezembro, São Paulo terá terminado 2015 com estoques próximos ao nível atingido no fechamento de 2014, de 27.255 imóveis - o recorde para a série histórica iniciada em 2004.
Das 27.199 unidades atuais, 32,1% são imóveis de um dormitório; 26,7%, imóveis de dois dormitórios; 24,1%, de três dormitórios; e 7,1%, de quatro dormitórios.
Apesar do patamar menor do que o de novembro de 2014, os lançamentos foram 94,8% maiores do que os de outubro.

Comercialização

O estoque de imóveis em alta pode ser explicado em parte pelo mau desempenho das vendas.
Entre janeiro e novembro de 2015 foram comercializados 17.283 imóveis novos, resultado 5,7% menor do que o mesmo período de 2014, ano que teve o pior desempenho da série desde 2004.
Quando se considera apenas o mês de novembro, foram vendidas 2.473 unidades, volume 17,2% inferior ao do mesmo mês de 2014.
O patamar é 122,4% maior do que o de outubro de 2015.

 

Dados do Secovi mostram que mais de 17 mil imóveis foram comercializados em 11 meses de 2015

Publicidade

Pesquisa avançada

FINANCIAMENTO

SIMULAÇÃO CAIXA FEDERAL

MINHA CASA MINHA VIDA

OUTROS TIPOS DE FINANCIAMENTOS

CORRETORES CADASTRADOS

DICAS

CONTATO

COMERCIAL

REDAÇÃO