Publicidade

Economia

Caixa volta a financiar 70% do valor de usados

POSTADA EM: 08/03/2016  |  POR: (Folhapress e Agência Brasil)

Foto: Marcos Santos/USP Imagens

 

A Caixa Econômica Federal (CEF) aumentou de 50% para 70% o limite financiado de um imóvel usado para trabalhadores do setor privado. Para clientes do setor público, o teto chega agora a 80%.
O aumento vale para financiamentos feitos dentro do (Sistema Financeiro de Habitação SFH) e visa estimular o mercado de usados.
Na avaliação da presidente da Caixa, Miriam Belchior, o aumento da parcela de financiamento de usados induz ainda o mercado de imóveis novos na classe média e alta. Isso porque o dinheiro da venda do usado normalmente é utilizado para a entrada no financiamento de um imóvel novo.
Entre as medidas para 2016 estão o aumento de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), anunciado há algumas semanas, e a reabertura do financiamento imobiliário do segundo imóvel.
Esse tipo de empréstimo terá as mesmas condições do financiamento do primeiro, segundo Miriam Belchior. Para ela, a possibilidade de financiar uma nova moradia “cria uma folga para negociar a venda do primeiro imóvel”.
A presidente da Caixa estimou que R$ 16,1 bilhões dos R$ 21,7 bilhões anunciados pelo conselho curador do FGTS devem ficar com o banco.
Dos R$ 10 bilhões autorizados pelo conselho curador do FGTS para operações de Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI), R$ 6,7 bilhões ficam com a Caixa. Os primeiros R$ 2,68 bilhões devem ir para imóveis de até R$ 750 mil.

Contrato

As pessoas que ainda estão pagando pela compra de um imóvel financiado pela Caixa poderão fazer um segundo contrato do gênero. A medida integra ações para reaquecer o mercado imobiliário e também foi anunciada hoje pela presidente da CEF. “A meta é aquecer a demanda para que se tenha um impacto de maior acesso à moradia e à retomada da construção civil”, disse.
Segundo o vice-presidente de Habitação da CEF, Nelson Antônio de Souza, esse tipo de financiamento estava fechado desde maio de 2015. Ele explicou que as regras para o financiamento serão as que estão vigentes. E os recursos a serem disponibilizados pela CEF serão semelhantes aos do ano passado.

 

Divulgação de novas regras de financiamento de imóveis pretende estimular mercado de usados (foto)

Galeria

Publicidade

Pesquisa avançada

FINANCIAMENTO

SIMULAÇÃO CAIXA FEDERAL

MINHA CASA MINHA VIDA

OUTROS TIPOS DE FINANCIAMENTOS

CORRETORES CADASTRADOS

DICAS

CONTATO

COMERCIAL

REDAÇÃO