Publicidade

Economia

Renegociação faz calote de imóveis recuar

POSTADA EM: 03/08/2016  |  POR: (Folhapress)
Clientes devem fazer as contas para renegociar dívidas com bancos

Foto: Divulgação

O aumento do número de clientes em busca de renegociação das prestações atrasadas da casa própria e uma maior disposição dos bancos em ouvir as propostas melhoraram os indicadores de inadimplência do mercado imobiliário no primeiro semestre deste ano.
O calote, medido por dívidas em atraso há mais de 90 dias no financiamento imobiliário, recuou para 1,7% em junho, após se manter em 2,1% de janeiro a maio, de acordo com o Banco Central.
Já o índice de atraso entre 15 e 90 dias retrocedeu do pico de 9,25% em outubro do ano passado para 8,76%.
A melhora é atribuída por especialistas não só a uma maior predisposição dos bancos a renegociar as prestações atrasadas, mas também ao aumento dos imóveis retomados pelas instituições no ano passado por causa da falta de pagamento dos clientes.
O número de residências levadas a leilão pela Caixa Econômica Federal – principal nome do mercado - subiu 53,8% em 2015 na comparação com o ano anterior. A Caixa detém 66,9% do mercado de crédito imobiliário.
Ao ver que a possibilidade de perder a casa própria é real, mais mutuários correm para quitar suas pendências, mesmo que tenham que recorrer à ajuda da família, afirma o presidente do site de comparação Canal do Crédito, Marcelo Prata.

Reserva

Eles foram ajudados por uma maior propensão dos bancos a negociar as dívidas. Entre os cinco maiores bancos de varejo do País, porém, o assunto é tratado com reserva. O único a se estender no tema entre os procurados pela reportagem foi o Santander.
A reportagem apurou que as instituições evitam abordar o assunto para não “estimular” a renegociação da parte de clientes que teriam condições de arcar com as prestações.
Outro entrave é que o financiamento imobiliário é a última dívida que o cliente costuma deixar de pagar. Quando isso ocorre, o banco considera que é pequena a possibilidade de que ele consiga acertar as contas.

Publicidade

Pesquisa avançada

FINANCIAMENTO

SIMULAÇÃO CAIXA FEDERAL

MINHA CASA MINHA VIDA

OUTROS TIPOS DE FINANCIAMENTOS

CORRETORES CADASTRADOS

DICAS

CONTATO

COMERCIAL

REDAÇÃO