Publicidade

Novidades

Paciente se comove e reforma hospital em José Bonifácio

POSTADA EM: 23/11/2016  |  POR: Folhapress
A Santa Casa de José Bonifácio

Foto: Divulgação

Em novembro do ano passado, a mulher do corretor de imóveis Sidnei Picolo, 57 anos, precisou ser internada na Santa Casa de José Bonifácio, no interior de São Paulo. Ao visitar Márcia, 48 anos, com crises de labirintite, o marido ficou chocado com as condições do leito hospitalar.
“O colchão da cama estava colado no ferro por causa da ferrugem, e as paredes, descascadas e encardidas”, diz Picolo. “Aquilo me comoveu de uma forma muito forte. Para falar a verdade, sei que caí lá dentro para trabalhar.”
E o “trabalho” não parou no quarto da mulher. Com o celular, um caderno e a ajuda de amigos e moradores, o corretor de imóveis reuniu R$ 120 mil em uma vaquinha para pintar a área externa, reformar armários e móveis e trocar o piso.
Ele decidiu ajudar, conta, ao saber da situação financeira da Santa Casa - que, segundo os administradores, gasta mais do que recebe de convênios estaduais e federais. Os repasses somam R$ 660 mil mensais, e o gasto por mês é de quase R$ 700 mil.
Um construtor, amigo de Picolo, foi quem aceitou reformar o cômodo de graça para ajudar o hospital. “Fui falando com amigos, e eles abraçaram a ideia comigo”. Depois, conseguiu mais três pessoas para reformar outros três quartos. “A partir disso, não parou mais.”
As demandas aumentaram. Picolo percebeu que não precisava de quantia milionárias para conseguir tornar o local melhor, e as pessoas passaram a procurá-lo para oferecer doações.

Publicidade

Pesquisa avançada

FINANCIAMENTO

SIMULAÇÃO CAIXA FEDERAL

MINHA CASA MINHA VIDA

OUTROS TIPOS DE FINANCIAMENTOS

CORRETORES CADASTRADOS

DICAS

CONTATO

COMERCIAL

REDAÇÃO