Publicidade

Novidades

Pesquisa em SP

Imóveis usados mais vendidos custaram até R$ 600 mil

POSTADA EM: 08/03/2017  |  POR: (Da redação)
Aumento do preço médio dos imóveis impacta no mercado

Fotos: Cecília Bastos/USP Imagens

Os imóveis usados mais vendidos na cidade de São Paulo em janeiro nas 299 imobiliárias que o Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo (Creci-SP) consultou foram os que custaram até R$ 600 mil. Eles representaram 56,82% do total de casas e apartamentos vendidos, a maioria (54,54%) por meio de financiamentos de bancos. As demais unidades foram compradas à vista (36,36%) ou em pagamentos parcelados pelos donos dos imóveis (4,55%).
Além das férias, do desemprego, da perda de poder aquisitivo e dos custos elevados dos financiamentos, outro fator que contribuiu para a queda de 43,02% nas vendas de janeiro sobre dezembro foi o aumento dos preços médios dos imóveis. Eles subiram 8,67% em relação a dezembro, segundo apurou a pesquisa do Creci-SP.

Características

As imobiliárias venderam mais apartamentos (65,91% do total) do que casas (34,09%). A maioria das unidades vendidas (72,22%) enquadrou-se nas faixas de preços de até R$ 8 mil o metro quadrado, com predomínio dos imóveis de padrão médio (75% do total).
Os descontos concedidos pelos proprietários dos imóveis sobre os preços originais de venda variaram de 11,67% na Zona A 5,46% na Zona B e 7% na Zona C.
A Zona A perdeu a liderança de vendas que conquistara em dezembro. Em janeiro, a líder de vendas foi a Zona B, com 38,61% das unidades que trocaram de dono no mês, seguida pela Zona A, com 31,77%, pela Zona C, com 20,51%, pela Zona D, com 6,84%, e pela Zona E, com os restantes 2,28%.
As casas e apartamentos de quatro dormitórios foram os mais vendidos na Zona A (15,91% do total eram desse tipo) enquanto que os de 1 dormitório tiveram a preferência dos compradores na Zona B, com 15,91%. Os de dois dormitórios lideraram as vendas na Zona C (15,91%), na Zona D (4,55%) e na Zona E (2,27%).

Publicidade

Pesquisa avançada

FINANCIAMENTO

SIMULAÇÃO CAIXA FEDERAL

MINHA CASA MINHA VIDA

OUTROS TIPOS DE FINANCIAMENTOS

CORRETORES CADASTRADOS

DICAS

CONTATO

COMERCIAL

REDAÇÃO