Publicidade

Novidades

Pesquisa Secovi confirma retomada de vendas

POSTADA EM: 18/10/2017  |  POR: (Da redação)
1.865 unidades residenciais novas foram comercializadas na capital paulista no mês de agosto

Foto: Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas

A Pesquisa do Mercado Imobiliário, realizada pelo Departamento de Economia e Estatística do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Comerciais de São Paulo (Secovi-SP), apurou em agosto a comercialização de 1.865 unidades residenciais novas, a maior quantidade para o mês desde 2013. O indicador VSO (Vendas Sobre Oferta) de 8,7% foi o segundo melhor deste ano, impulsionado pelo bom desempenho das vendas de imóveis de 1 dormitório. As informações são da instituição sindical.
“O sucesso de vendas dessa tipologia está atrelado ao preço, à localização e à tendência dos arranjos unifamiliares. São imóveis com preços na faixa de até R$ 500 mil, com até 45 m² de área útil, que ficam próximos a estações de metrô”, explica o economista-chefe do Secovi-SP, Celso Petrucci. Imóveis de quatro dormitórios também se destacaram, com a comercialização total de R$ 224,1 milhões, 113 unidades lançadas e 98 vendidas no mês.
O resultado de vendas representa crescimento de 50,6% em comparação ao total vendido em julho (1.238 unidades) e de 73% quando confrontado com as 1.078 unidades comercializadas no mesmo mês de 2016. No acumulado dos oito meses, foram vendidas 10.991 unidades, um aumento de 20,8% em comparação ao mesmo período do ano passado (9,1 mil unidades).
A cidade de São Paulo registrou o lançamento de 1.579 unidades residenciais novas, volume 45,0% superior a julho (1.089 unidades) e 34,2% acima do resultado de agosto de 2016 (1.177), conforme apurado pela Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio (Embraesp). De janeiro a agosto, foram lançadas 9.215 unidades residenciais na capital paulista, 11,7% superior a igual período de 2016 (8.251 unidades).

Menores

No mês de agosto, os imóveis de um dormitório se destacaram com 863 unidades vendidas e, coincidentemente, o mesmo número de lançamentos. As unidades com menos de 45 m² de área útil apresentaram os melhores resultados do mês, com 1.135 lançamentos e 1.154 vendas, assim como os imóveis com preços até R$ 240 mil, que lideraram os indicadores do mês com 584 unidades lançadas e 680 unidades comercializadas.

Recuperação

Em agosto, o mercado imobiliário ofereceu maior diversificação de produtos com tipologias diferentes da de dois dormitórios, em diversas regiões e tíquetes variados. “Esses empreendimentos mostraram aderência à demanda, e o bom desempenho das vendas pode ser explicado por um conjunto de aspectos favoráveis nos últimos meses. Dentre outros, a trajetória de queda da Selic, por exemplo, é excelente estímulo para que as pessoas diversifiquem seus investimentos, encontrando no imóvel uma opção atrativa”, afirma o vice-presidente de Intermediação Imobiliária e Marketing do Secovi-SP, Flávio Prando.

Publicidade

Pesquisa avançada

FINANCIAMENTO

SIMULAÇÃO CAIXA FEDERAL

MINHA CASA MINHA VIDA

OUTROS TIPOS DE FINANCIAMENTOS

CORRETORES CADASTRADOS

DICAS

CONTATO

COMERCIAL

REDAÇÃO